Manhã de sábado agitada em Rio Negrinho

20/07/2019

Na manhã de sábado (20), a Central de Operações da Polícia Militar recebeu algumas ligações de munícipes incomodados com perturbação do sossego oriundas de festas, som alto e algazarra. Com as informações necessárias e a qualificação das testemunhas foram encaminhadas viaturas policiais para atendimento. Em dois bairros foi necessário a intervenção policial para o restabelecimento da ordem pública. Nos locais indicados pelas testemunhas os policiais observaram gritaria e algazarra, sendo comprometidas às partes autoras a comparecer em audiência pré-agendada para o fórum da comarca, com base na contravenção penal de perturbação do trabalho e sossego alheio.

A poluição sonora constitui grave infração dos deveres de vizinhança, valendo a máxima de que “todos têm o direito de fazer, ou não fazer, em sua casa o que bem entender, desde que não cause nenhuma intranquilidade ou dano ao seu vizinho”. Apelar para o bom-senso é sempre a melhor saída. 

Autor(a): Assessoria