Loading


Notícias

11/06/2018

TNH Saúde Digital de Rio Negrinho recebe convite

Google valida empresa como parceira oficial na América Latina

Imagens relacionadas

TNH Saúde Digital de Rio Negrinho recebe convite

Rio Negrinho

 

A TNH Saúde digital de Rio Negrinho foi convidada e validada pelo Google como empresa parceira oficial na América Latina para operar RCS na área da saúde. RCS é o software nativo que vai substituir o SMS "velho de guerra" no Sistema Android.

 

De acordo com o criador da TNH, Juliano Froehner, o SMS, a ferramenta de envio de mensagens que vem integrada de forma nativa em qualquer aparelho celular (já vem junto com o aparelho quando se adquire uma como parte básica do seu sistema operacional), está para ser repaginado.

 

 

“Sua criação em 1992 forçou primeiramente uma evolução nos teclados em si para que se pudessem digitar as letras do alfabeto, lembre-se de que os primeiros teclados nos celulares apenas tinham números e precisariam, agora, a proeza de espremer em um minúsculo teclado todas as letras do alfabeto e os caracteres especiais [pontos de exclamação, interrogação, cifrão, “e”comercial etc.] do modo menos complicado possível”, explicou Juliano.

 

 

Posteriormente, esse desconforto na digitação forçou a substituição completa dos teclados com botões físicos pelos teclados virtuais, aqueles que aparecem “por dentro” das telas dos celulares e são ativados pelo toque dos seus dedos (touchscreen). O SMS faz parte de uma revolução digital nas comunicações ao lado dos e-mails e chats, e ainda é muito utilizado por bancos e para comunicação institucional oficial. Essas pioneiras mensagens de 160 caracteres, justamente em função dessa mesma limitação, acabariam também por criar uma nova forma de falar e de se comunicar, quase que um “dialeto” próprio das plataformas celulares, com abreviações, ícones, stickers (figurinhas na forma de adesivos) e símbolos de “carinhas” (emoticons) que inserem emoções e o tom de voz em um texto frio.

 

 

O SMS é, ainda, a forma mais democrática e plena de comunicação por texto, dado que alcança toda a população que possuir um celular, independentemente de se ter ou não pacote de dados, de ser smartphone ou não, de se o plano de dados pré-pago foi pago em dia ou não, de se saber baixar um aplicativo, de se saber instalar um aplicativo e de se ter espaço de memória suficiente no celular para manter o tal aplicativo.

 

 

“Ou seja, mesmo neste ano de 2018, dado o ainda alto custo da comunicação pessoal por dados e da falta da plena cobertura por uma rede de torres ou de satélites ou de balões de altitude que substituem as antigas torres de celular, o SMS “velho de guerra” ainda é o modo mais inclusivo, democrático, barato, justo e menos discriminatório de comunicação em massa por texto via celular. O que acontece agora é que o SMS será repaginado pelo Google, a empresa de tecnologia que desenvolve o sistema operacional de celular numericamente mais popular que existe, o Android”, relata.

 

Nas novas versões do sistema Android, o SMS velho de guerra será substituído por um novo software de RCS que já virá nativo em todo aparelho celular. O RCS (Rich Communication Services ou Serviços de Comunicações Ricas) adiciona uma série de funções ao SMS, como transmissão de imagens, áudios, vídeos, localização, compartilhamento de tela, bate-papos em grupo, games e chats, algumas das quais disponíveis atualmente via WhatsApp e Facebook Messenger. Julian ainda frisa que a principal vantagem do RCS realmente é a interoperabilidade, que é a capacidade de funcionar automaticamente com todas as operadoras, dispensando a instalação de um aplicativo nos celulares. Um serviço RCS vem configurado de fábrica no telefone, podendo ser desenvolvido pela operadora de telefonia ou por terceiros, e pode se comunicar com qualquer aparelho. “Mundialmente, o Google trabalha com empresas de tecnologia parceiras que foram cuidadosamente selecionadas para os testes e futuras operações com o RCS, como o Terra e a Movile (dono do iFoods). Na área de saúde para a América Latina, o Google convidou e validou uma única empresa, a TNH Saúde Digital, empresa sediada em Rio Negrinho/SC, comoparceira para testar e operar o RCS - https://jibe.google.com/business-messaging/partners”, finaliza.

 

 

 

A TNH faz gestão de saúde populacional ao disponibilizar medicina preventiva barata e em larga escala por meio do celular, via canais como SMS, RCS e Facebook Messenger.

 

A TNH trabalha com chatbots, os robôs de conversação, que são “amigos virtuais” ou “enfermeiras virtuais” que conversam e dialogam gratuitamente com milhares e milhares de pacientes e grupos ao mesmo tempo, para monitorar o estágio de cada um e para passar acompanhamentos e direcionamentos úteis para essas populações. Exemplificativamente, monitoramos populações de diabéticos, gestantes e pais, hipertensos, fumantes, usuários de quimioterapia, pós-cirúrgico, dentre outros, para fazer redução de risco, redução de sinistralidade e a redução de custos. Na prática, o SMS com “superpoderes” significa que o Google poderá forçar um novo padrão ao mercado devido ao grande número de dispositivos Android vendidos, que passa da casa de um bilhão de usuários em todo o mundo.

 

  • Enviar para amigo
  • Imprimir
  • Link:

Enviar notícia para amigo






Caro assinante. Acesse a versão impressa diária do seu jornal clicando na capa ou no ícone do jornal desejado:

Receba notícias do ClicPerfil no seu e-mail






© 2018 ClicPerfil.com.br. Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Merkadia Internet